Blog Amor de Publicitária - O affair entre o Hip Hop e a moda e como a moda se deixa influenciar.

Anos 70 nos subúrbios de Nova York a população enfrentava problemas como pobreza, racismo, tráfico. Foi então que surgiu um movimento de união, paz e diversão chamado de HIP HOP.

O Hip Hop, nasceu em um contexto periférico negro e se tornou um instrumento de mudança social, além de um estilo de vida. As batidas, misturas de sons e rimas eram para ser uma fuga da dura realidade vivida em bairros como Bronx, Harlem, Brooklyn, mas, foi além e se transformou em uma forte tendência.

Os Rappers e Dj’s tinham forte influência sobre o seu público através da música e da moda, a maneira como se vestiam, os calçados, os cordões brilhantes, tudo era uma forma de comunicação e identificação. A forma de se vestir os definia, era a identificação dos rappers com o mundo. As ruas eram como passarelas e para vocês terem uma ideia o tênis era o mais importante, por que ser estiloso no hip hop começa pelo pé.

Quem curte o movimento é influenciado pela ideologia e usar marcas muito caras nesse contexto é muito mais do que demonstrar que tem dinheiro, é mais profundo e tem haver com autoestima e diferenças de classes sociais.

Blog Amor de Publicitária – O affair entre o Hip Hop e a moda e como a moda se deixa influenciar.

Mais o que poucos sabem é que nos anos 70 os negros da periferia não tinham dinheiro para pagar tão caro em roupas de grifes famosas e mesmo que quisessem não eram bem vistos e bem-vindos ao entrarem em uma loja Louis Vuitton, por exemplo. Foi então que o estilista Dapper Dan fez a cabeça da rapaziada, com um rolo de tecido ele podia fazer o que quisesse, fabricava peças similares as originais e carimbava a etiqueta, fez isso por muitos anos até ter seu atelier fechado pela polícia.

As marcas representam sucesso e falam muito da identidade de quem as utiliza. E nesse ritmo e de olho nesse mercado em expansão, com o hip hop dominando o mundo, marcas como Tommy Hilfiger e Ralph Lauren ganharam muito dinheiro com os rappers.

Curiosamente estamos no século 21, o mundo mudou novos estilos surgiram, mas o movimento com o seu forte apelo permanecem. Os rappers e as marcas tem forte parceria, mas o estilo é livre de estereótipos e hoje se busca muito mais ser único e especial. Claro, isso deixa a elite louca, afinal o poder de consumo aumentou e as peças de grife não são mais tão exclusivas assim. Mas, o momento econômico não é tão favorável, o que faz com que a grande maioria das marcas não se incomode tanto ao serem citadas nas letras das músicas que fazem referência a ostentação.

Blog Amor de Publicitária – O affair entre o Hip Hop e a moda e como a moda se deixa influenciar.

O amor pela moda inspira os rappers a criarem faixas com os nomes das marcas mais desejadas por eles. Foi realizada uma pesquisa que aponta as marcas mais citadas no hip hop nos últimos 20 anos:

1– Gucci: 1067 músicas
2- Nike: 687 músicas
3- Prada: 431 músicas
4- Versace: 354 músicas
5- Adidas: 287 músicas
6- Timberland: 248 músicas
7- Louis Vuitton: 229 músicas
8- Dolce & Gabbana: 179 músicas
9- Armani: 169 músicas
10- Fendi: 155 músicas

Blog Amor de Publicitária – O affair entre o Hip Hop e a moda e como a moda se deixa influenciar.

Querem saber como a moda e o hip hop se relacionam, assintam ao documentário “Fresh Dressed”, disponível na NetFlix. Esse documentário ajuda a compreender antes de julgar alguém por suas roupas e nos ensina a atitude que há por trás, os fatores e o que devemos levar em consideração.

Estamos em agosto de 2017 e o Hip Hop completa 44 anos em pleno vigor. O ritmo envolvente de batidas remixadas misturadas, da cultura afro-americana e o graffiti romperam as fronteiras dos clubes dos Estados Unidos e ganharam o mundo.

Grandes ícones surgiram, o hip hop chegou a Hollywood e recentemente o estilo musical ganhou um série exclusiva na Netflix ‘The Get Down’ e também ‘Hip Hop Evolution’.

O Brasil adotou o estilo musical e também tem grandes nomes no hip hop como Criolo, Rael, Sabotage (já falecido, ele deixou um importante legado para o rap nacional e até hoje é uma grande influência para os MC’s), Mano Brow e o ousado Emicida que lançou sua marca de roupas no SPFW, a exemplo de alguns norte-americanos.

Blog Amor de Publicitária – O affair entre o Hip Hop e a moda e como a moda se deixa influenciar.

E se você quiser saber mais sobre o movimento e conhecer os grandes nomes do Hip Hop, o site http://www.rapnacionalmusic.com.br é o lugar ideal. Lá você fica por dentro de tudo o que rola no Brasil e no mundo e ouve os melhores sons.

Agora vamos trocar figurinhas, deixe aqui nos comentários os nomes dos rappers que vocês curte.

Beijos da Mih!

Deixe uma resposta